Entenda o motivo do Apagão Digital que durou cerca de 7 horas e deixou a internet desesperada

O Facebook e seus demais serviços, como Instagram e WhatsApp, não ficaram apenas fora do ar na segunda-feira (04/10), mas também deixaram de existir para a internet.


Depois de um dia caótico, a empresa publicou uma explicação sobre a queda de seus serviços, escrita pelo vice-presidente de infraestrutura do Facebook, Santosh Janardhan. Depois de quase 7 horas fora do ar, o executivo disse que "alterações de configuração nos roteadores de backbone que coordenam o tráfego de rede entre nossos data centers causaram problemas que interromperam essa comunicação".


Facebook sumiu da internet

Mas, afinal, o que isso significa? Alberto Azevedo, CEO da empresa de segurança da informação CYB3R, afirma que o Facebook simplesmente deixou de existir.


"O Facebook não estava somente fora do ar, não era uma situação que eu estava tentando acessar o site e o servidor estava fora do ar. O Facebook literalmente saiu da internet ontem. Saiu e voltou", afirma. "A falha do Facebook foi bem complexa mesmo, e é por isso que ela foi bem grave".


Alberto explica que a internet é feita em camadas, e que o problema de ontem aconteceu em uma camada de rede, que é profunda. Cada nó de distribuição da internet se comunica com outros poucos nós, que vão se comunicando com outros, e assim por diante. "É como se fosse assim: eu conheço meus vizinhos, mas meus vizinhos conhecem os vizinhos de lá, e vai indo até que chega em uma cidade inteira", esclarece o especialista.


E para que a comunicação seja feita entre esses nós, é preciso que um servidor anuncie que determinado serviço existe. "Para que eu exista na internet, eu preciso anunciar: eu estou aqui, meus endereços são esses e eu estou nesses lugares", afirma Alberto.


Depois de um erro em uma configuração, o servidor do Facebook simplesmente deixou de anunciar que ele existia. Essa informação parou de circular entre os nós e, para o usuário final, o resultado foi a queda do serviço.


Fonte da matéria: IG Tecnologia

2 visualizações0 comentário